O Que é a Vida?




E como diria Gonzaguinha, "é a vida e é bonita...”

Única como deve ser, então Horácio diz: "Carpe diem"

Sensacional quando se permite, como Olavo, "ouvir estrelas"
 
Onerosa algumas vezes, mas para Fernando "tudo vale a pena"
 
Urgente e fugaz, portanto "tenho pressa e tanta coisa me interessa"

Ambígua para o Luís, por isso às vezes "dói e não se sente"

Versátil, por isso “tente, invente...” 


Inesperada e com surpresas que "nos convidam a rir ou a chorar” 


Desafiadora por ter às vezes "uma pedra no meio do caminho” 


Apaixonante, portanto que "seja infinita enquanto dure".
Juliana de Carvalho Machado

2 comentários:

  1. Sou suspeita, mas adorei

    ResponderExcluir
  2. Eu também gostei muito. Criativo, inteligente e com conteúdo. Parabéns ao blog e a autora.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...