Só tu



 “Dos lábios que me beijaram,
Dos braços que me abraçaram
Já não me lembro, nem sei...
São tantas as que me amaram!
São tantas as que eu amei!
Mas tu - que rude contraste!
Tu, que jamais me beijaste,
Tu, que jamais abracei,
Só tu, nesta alma, ficaste,
De todas as que eu amei.”
 (Paulo Setúbal) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...