Vou Lhes Contar Uma História



Há muito...muito tempo atrás, eu era um homem de muitas posses e muito poder. Achava que tudo era permitido.

Eu vivia num grande castelo com muitos servos, e tinha em minhas terras, camponeses que plantavam e me serviam, a troco de migalhas. Um pouco de comida que nem dava para suprir todas as suas necessidades. Suas esposas e filhos eram obrigados a trabalhar mais de 12 horas no campo, debaixo de chuva, sol, ou neve, para que eu pudesse viver uma vida cheia de regalias.

Parte do que eu lucrava era passado a Igreja, na promessa de que eu teria um lugar garantido no céu.

Ainda existia uma lei que obrigava os camponeses a me servirem. Eles não podiam mudar de terras, passar a servir a outros senhores que lhe oferecessem um pouco mais do que eu estipulava que seria deles. A Coroa me garantia esses privilégios, pois senão, ninguém permaneceria trabalhando para que pudéssemos viver bebendo e comendo sem nada fazer. As festas no castelo duravam dias, com muita fartura para os nobres, e aos camponeses, só restava o trabalho árduo e o prazer de servir a seus donos.

Muitos tentavam fugir, mas eram capturados por meus soltados e enforcados em praça pública, depois de sofrer muitas humilhações, para servir de exemplo àqueles que quisessem fazer o mesmo.

Outra lei me permitia ter a primeira noite com a noiva de um camponês, aquela que eu julgava mais agradável, e quantas mulheres já tiveram que suportar meus caprichos no dia que seria o dia mais feliz de suas vidas. E depois eram tratadas como escórias e jogadas em seus míseros casebres.

Ah! Se eu soubesse naquela época o que sei hoje...

Quantas pessoas matei, humilhei, feri de diversas formas, somente para nutrir meu ego...
E quantas guerras iniciei somente para aumentar mais minhas terras e meu poder, mandando crianças para um campo de batalha...

Minha esposa não passava de uma coitada, tendo que aceitar tudo que eu fazia, porque mulher naquela época era tratada pior que um animal. Era somente aquela destinada a gerar meus filhos para manter o nome da família. Tudo com a bênção de Deus na figura de um Bispo todo poderoso.

E aquelas mulheres que tentavam ajudar os menos poderosos com suas ervas medicinais, eram consideradas bruxas e executadas em praça pública. E o pior de tudo. As pessoas acabavam acreditando em tudo que dizíamos e iam felizes presenciar suas execuções.

De tantos excessos, bebidas, prostituição, meu corpo se encheu de feridas, e uma febre sem fim tomou conta de todo o meu corpo. As sangrias não foram o bastante para retirar todo o mal que estava em mim, e, após a bênção do todo poderoso Bispo, fechei os olhos na certeza que estava indo diretamente para o céu. Minha passagem estava garantida com metade de toda a fortuna que eu possuía, deixada para a Santa e Amada Igreja.

Ao abrir os olhos novamente, estava eu em meio a um lamaçal mal cheiroso, ouvindo gritos de terror, vendo pessoas maltrapilhas andando de um lado para o outro, comendo seus próprios excrementos de tanta fome que sentiam. Tamanha foi minha indignação que amaldiçoei a tudo e a todos, afinal de contas, eu espera acordar em lugar iluminado, cheio de mulheres a me servir, e com um grande banquete a minha espera.

Caminhei, caminhei, mas não conseguia sair daquele local horroroso, e acabei me juntando a um grupo de maltrapilhos e com eles bebendo barro para matar a sede e comendo meus excrementos. Tentei achar um servo para mim, mas acabei virando servo de outros. Não sei por quanto tempo vaguei, sendo humilhado e maltratado, até que um dia comecei a chorar e pedir a Deus perdão por todas as coisas más que já havia praticado. Por horas, dias, semanas, meses... Meus olhos já não conseguiam discernir o que via de tanto chorar.

Foi aí que pude ver em meio a tanta sujeira e desolação, pessoas bem vestidas, limpas, barbas feitas, que me estenderam a mão. No primeiro momento, minha reação foi cobrir o rosto de tanta vergonha que sentia. Eles sorriram e disseram para eu não ter medo. Foi a primeira vez em tanto tempo que não senti dores em meu corpo e uma sensação de alívio em minha alma.

Olhando direito, pude notar a figura de uma mulher muito bonita, e tive a sensação de já tê-la visto anteriormente. Sim. Era ela. Mas como poderia? Era uma das mulheres que privei da primeira noite de núpcias com seu noivo, e na manhã seguinte, mandei executar, por ter comido um pedaço de pão que se encontrava em meus aposentos. A vergonha tomou conta de todo o meu ser. Como aquela criatura poderia estar ali para me ajudar? E antes de dizer uma só palavra, ela me disse para não me envergonhar do que havia acontecido. Minha ignorância é que me cegava das coisas essenciais da vida.

Confesso que estava tão cansado que não consegui sair dali correndo, mas foi a primeira coisa que me passou na mente. Então, deixei-me levar.

Fui parar em uma espécie de hospital, um lugar que eu jamais havia imaginado, e, depois de curada minhas chagas, varias coisas me foram ensinadas.

Hoje estou aqui, acolhido em seu ventre, sentindo todo o carinho e amor que sente por mim. Sei que está preocupada por estar sangrando e com medo de eu ir embora.

Então te peço, minha mãe. Não fique triste, não chore, acredite em Deus. Mesmo que Deus me faça partir, o amor que você já me deu é maior do que o amor que tive em toda minha outra existência.

Aprendi a amar e perdoar com você. Já não sou mais aquele ignorante e egoísta que era. Te amo muito e quero que você seja muito feliz. Espero algum dia poder olhar em seus olhos e lhe dizer o quanto te amo e admiro, e o quanto você me ensinou. Seu amor me transformou. Obrigado minha mãe.
Cristina Corradi

A minha amiga Silvia F.
Não percas a tua fé entre as sombras do mundo. Ainda que os teus pés estejam sangrando, siga em frente, erguendo-a por luz celeste, acima de ti mesmo. Crê e trabalha. Esforça-te no bem e espera com paciência. Tudo passa e tudo se renova na terra, mas o que vem do céu permanecerá. De todos os infelizes os mais desditosos são os que perderam a confiança em Deus e em si mesmo, porque o maior infortúnio é sofrer a privação da fé e prosseguir vivendo. Eleva, pois, o teu olhar e caminha. Luta e serve. Aprende e adianta-te. Brilha a alvorada além da noite. Hoje, é possível que a tempestade te amarfanhe o coração e te atormente o ideal, aguilhoando-te com a aflição ou ameaçando-te com a morte. Não te esqueças, porém, de que amanhã será outro dia.
Chico Xavier

Sábias Palavras – Lao-Tsé



Lao tze, Laozi, Lao-tse ou Lao Tzu são todas pronúncias ocidentalizadas para o título do misterioso personagem da filosofia antiga chinesa. Isso significa que Lao-Tsé não é um nome, significa "grande senhor" ou "velho mestre". O nome real de Lao tze seria Li Er ou Lao Dan.

De acordo com a tradição, ele viveu no século 6 a.C. Porém, há os que afirmam que Lao viveu dois séculos depois, em uma época conhecida como Cem Escolas de Pensamento.

Alguns Shiji, que são registros dos historiadores, que foram feitos pela dinastia chinesa Han, cerca de 400 anos depois da época de Lao-Tsé, trazem um pequeno relato sobre o pensador. Segundo o Shiji, Lao nasceu em Chu (atual Luyi), na província de Henan.

Cercado por mistérios, algumas lendas contam que Lao nasceu depois de uma gestão de oito meses, já uma criança de cabelos brancos. Viria daí o seu título, que pode significar tanto “velho mestre” como “criança velha”.

Atribui-se a Lao-Tsé a autoria da obra criadora do taoísmo, o "Tao Te Ching", ou Livro do Caminho e da Virtude. Junto com a Bíblia, esse livro é um dos mais traduzidos no mundo.

Lao-Tsé tornou-se uma das principais figuras cultuadas no taoísmo, que é uma mistura entre religião e filosofia de vida. Ele seria o autor da obra que criou o taoísmo, o “Tao Te King”, ou “Livro do Caminho e da Virtude”.

Porém, alguns pesquisadores modernos declaram que Lao nunca existiu, sendo apenas uma criação dos fundadores da escola filosófica (daojia) e da tradição religiosa daojiao).

Lenda ou mito, os ensinamentos de Lao ultrapassaram as fronteiras da China e o taoísmo se espalhou pela Ásia, sendo assimiladas como uma tradição de vida. Além disso, nos anos 1900, uma tradução do “Tao” em latim foi parar na Inglaterra, o que resultou na disseminação das palavras de Lao-Tsé no Ocidente e foram incorporadas, inclusive, na linguagem política.

É possível ver, hoje em dia, vários livros que resgatam o pensamento de Lao, mostrando a relevância de suas palavras, mesmo para que os duvidam de sua existência.




"Aquele que conhece os outros é sábio.
Aquele que conhece a si mesmo é iluminado.

Aquele que vence os outros é forte.
Aquele que vence a si mesmo é poderoso.

Aquele que conhece a alegria é rico.
Aquele que conserva o seu caminho tem vontade."


"Seja humilde, e permanecerás íntegro.
Curva-te, e permanecerás ereto.
Esvazia-te, e permanecerás repleto.
Gasta-te, e permanecerás novo."


"O sábio não se exibe, e por isso brilha.
Ele não se faz notar, e por isso é notado.
Ele não se elogia, e por isso tem mérito.
E porque não está competindo, ninguém no mundo pode competir com ele."


“A pessoa que é muito insistente em seus próprios pontos de vista encontra poucos para concordar com ela.”


“Reaja inteligentemente mesmo a um tratamento não inteligente."
 

"Aquele que realizou mais, ainda tem todo o futuro para ser realizado."
 

"Os instantes mais dolorosos de nossa vida são aqueles que nos revelam à nós mesmos."


"Deixai quieta a água lamacenta, e ela por si só se tornará transparente."
 

"Amar não é apoderar-se do outro para completar-se, mas dar-se ao outro para completá-lo."
 

"Quem faz grandes coisas, e delas não se envaidece, esse realiza o céu em si mesmo."


"Sempre tive pena mim mesmo, porque não tinha sapatos até um dia que encontrei um homem que não tinha pés."


"Ser profundamente amado por alguém nos dá força; amar alguém profundamente nos dá coragem."
 

"Conhecer os outros é inteligência, conhecer-se a si próprio é verdadeira sabedoria. Controlar os outros é força, controlar-se a si próprio é verdadeiro poder."


"Para ganhar conhecimento, adicione coisas todos os dias. Para ganhar sabedoria, elimine coisas todos os dias."
 

"Pagai o mal com o bem, porque o amor é vitorioso no ataque e invulnerável na defesa."
 

"Quem conhece a sua ignorância revela a mais profunda sapiência. Quem ignora a sua ignorância vive na mais profunda ilusão."
 

"Uma longa viagem começa com um único passo."


"A alma não tem segredo que o comportamento não revele."


"Aquele que sabe não fala; aquele que fala não sabe."
 

"Aquele que tudo julga fácil, encontrará muitas dificuldades."
 

"O homem realmente culto não se envergonha de fazer perguntas também aos menos instruídos."


"Se deres um peixe a um homem faminto, vais alimentá-lo por um dia. Se o ensinares a pescar, vais alimentá-lo toda a vida."


"Mantenha os amigos sempre perto de você e os inimigos mais perto ainda."


"O rio atinge seus objetivos porque aprendeu a contornar obstáculos."


"Neste mundo, nada é mais maleável e frágil quanto a água.
Contudo, ninguém, por mais poderoso que seja, resiste à sua ação
(corrosão, desgaste, choque de ondas),
Ou pode viver sem ela.
Não é bastante claro que a flexibilidade é mais eficaz que a rigidez?
Poucos agem de acordo com essa convicção."


"Só temos consciência do belo, quando conhecemos o feio.
Só temos consciência do bom, quando conhecemos o mau.
Porquanto, o Ser e o Existir, se engendram mutuamente.
O fácil e o difícil se completam.
O grande e o pequeno são complementares.

O alto e o baixo formam um todo.
O som e o silêncio formam a harmonia.
O passado e o futuro geram o tempo.

Eis porque o sábio age, pelo não-agir, e ensina sem falar.
Aceita tudo que lhe acontece.
Produz tudo e não fica com nada.

O sábio tudo realiza - e nada considera seu.
Tudo faz - e não se apega à sua obra.
Não se prende aos frutos da sua atividade.

Termina a sua obra, e está sempre no princípio.
E por isso a sua obra prospera."
 

"O sábio não se exibe, por isso brilha.
Ele não se faz notar, e por isso é notado.
Ele não se elogia, e por isso tem mérito.
E, porque não está competindo,
Ninguém no mundo pode competir com ele."


"A vida verdadeira é como a água:
Em silêncio se adapta ao nível inferior que os homens desprezam.
Não se opõe a nada, serve a tudo.
Não exige nada, porque sua origem é da fonte imortal."


"O homem realizado não tem desejos de dentro,
Nem tem exigências de fora.
Ele é prestativo em se dar
E sincero em falar,
Suave no conduzir,
Poderoso no agir.
Age com serenidade.
Por isto é incontaminável."

Mudança



Sente-se em outra cadeira, no outro lado da mesa.
Mais tarde, mude de mesa.
Quando sair, procure andar pelo outro lado da rua.
Depois, mude de caminho,
Ande por outras ruas, calmamente,
Observando com atenção os lugares por onde você passa.
Tome outros ônibus.

Mude por uns tempos o estilo das roupas.
Dê os seus sapatos velhos.
Procure andar descalço alguns dias.
Tire uma tarde inteira para passear livremente na praia, ou no parque,
E ouvir o canto dos passarinhos.

Veja o mundo de outras perspectivas.
Abra e feche as gavetas e portas com a mão esquerda.
Durma no outro lado da cama...
Depois, procure dormir em outras camas.
Assista a outros programas de TV,
Compre outros jornais... Leia outros livros.

Viva outros romances.
Não faça do hábito um estilo de vida.
Ame a novidade.
Durma mais tarde.
Durma mais cedo.
Aprenda uma palavra nova por dia numa outra língua.

Corrija a postura.
Coma um pouco menos,
Escolha comidas diferentes,
Novos temperos, novas cores, novas delícias.

Tente o novo todo dia.
O novo lado,
O novo método,
O novo sabor,
O novo jeito,
O novo prazer,
O novo amor.
A nova vida.
Tente.

Busque novos amigos.
Tente novos amores.
Faça novas relações.

Almoce em outros locais,
Vá a outros restaurantes,
Tome outro tipo de bebida,
Compre pão em outra padaria.
Almoce mais cedo,
Jante mais tarde ou vice-versa.
Escolha outro mercado...
Outra marca de sabonete, outro creme dental...
Tome banho em novos horários.

Use canetas de outras cores.
Vá passear em outros lugares.
Ame muito, cada vez mais, de modos diferentes.

Troque de bolsa, de carteira, de malas,
Troque de carro, compre novos óculos, escreva outras poesias.
Jogue os velhos relógios,
Quebre delicadamente esses horrorosos despertadores.

Abra conta em outro banco.
Vá a outros cinemas, outros cabeleireiros, outros teatros,
Visite novos museus.
Mude.

Lembre-se de que a Vida é uma só.
E pense seriamente em arrumar um outro emprego,
Uma nova ocupação,
Um trabalho mais light, mais prazeroso, mais digno, mais humano.

Se você não encontrar razões para ser livre,
Invente-as.
Seja criativo.

E aproveite para fazer uma viagem despretensiosa, longa,
Se possível sem destino.
Experimente coisas novas.
Troque novamente.
Mude, de novo.
Experimente outra vez.
Você certamente conhecerá coisas melhores e coisas piores do que as já conhecidas,
Mas não é isso o que importa.

O mais importante é a mudança, o movimento, o dinamismo, a energia.
Só o que está morto não muda!

Repito por pura alegria de viver:
A salvação é pelo risco,
Sem o qual
A vida não vale a pena!
Clarice Lispector

Dedico este Poema a minha querida amiga Adriana C. S.,
uma mulher corajosa, forte, que não se deixa vencer pelos percalços da vida
 e, que mesmo com tantas pedras no caminho,
tem sempre um sorriso no rosto
e uma frase amiga nos lábios.

Ser Realmente Rico




Para quem ainda não alcançou a graça de ser realmente rico...
Prepare-se! A sua vez vai chegar.

Todos nós guardamos um sonho, um desejo a ser realizado...
Aquele sonho que você guarda em seu coração a sete chaves...
Sonhos que imaginamos ser impossíveis, pois demandam tempo e dinheiro...
Ter conforto, uma casa com um carro na garagem...
Saúde para poder usufruir de cada momento...
Poder ir a lugares paradisíacos onde sua visão se encanta com cada detalhe...
Poder andar de cabeça erguida, na certeza de que se é respeitado...
Poder adquirir bens e coisas boas, que só o dinheiro seria capaz de lhe oferecer...
Sair da pobreza, ter uma vida melhor...
E , muitas vezes, acreditamos que só seremos felizes ao adquirir, ao ter, ao possuir o poder, ao ser mais que nossos amigos...

Também é verdade que muitos são aqueles que andam cobertos de ouro, mas vivem vidas miseráveis.

A riqueza é um estado de espírito e acredito que através do jeito de ser, agir e pensar, possa atraia energias positivas a seu favor, fazendo com que você cresça a cada momento.

Coisas boas são atraídas por você de onde elas estiverem, e a felicidade e a riqueza estão em todo lugar.

Não se deve temer a riqueza, muito menos a felicidade. O medo nos paralisa e, conseqüentemente, ficamos estagnados.

Houve um tempo em que muitos acreditavam que a riqueza não trazia a felicidade. Na verdade, ela manda buscar. O grande segredo está na forma de pensar.

A verdadeira riqueza não é medida pela posse de coisas, mas na forma que você lida com elas.

A verdadeira felicidade está em como você consegue vivenciar cada fase de sua vida, e, de cada experiência, de cada momento, bom ou ruim, na pobreza ou na riqueza, na saúde ou na doença, aprender a desfrutar dos pequenos momentos que são realmente importantes.

A pessoa pobre de espírito se preocupa em contar e guardar seu dinheiro e esquece de viver.

A pessoa rica de espírito se preocupa em vivenciar toda a felicidade que o dinheiro possa lhe proporcionar. O dinheiro não é a sua meta, e sim, a felicidade e beleza que gira em torno de sua prosperidade. Ela valoriza tudo aquilo que conquistou, e em cada conquista, ela aprende a fazer novas e melhores escolhas.

O pobre de espírito teme perder o que guarda. Não sabe ser generoso, mal diz muito obrigado, quanto mais distribuir com outros, algo que julga ser valioso.

O rico de espírito sabe que a generosidade atrai forças no universo que atuam a seu favor, fazendo com que ele cresça cada vez mais. Ele distribui sua elegância, seu amor, seu sorriso e até mesmo, bens materiais. Não importa o que se dá, mas como é realizada essa doação, sem egoísmo, pelo simples prazer de ver um sorriso no rosto de quem está recebendo.

Fornecendo sua riqueza interior para o mundo, um mundo de riquezas existentes nas forças invisíveis do universo irá agir a seu favor, fazendo com que você seja mais rico e feliz.
Cristina Corradi

Sábias Palavras – Victor Hugo




Victor Hugo nasceu em 26 de fevereiro de 1802, em Besancon, na França. Ele foi poeta, romancista, dramaturgo e um dos mais importantes escritores românticos franceses do Século XIX. É autor de Les Misérables e de Notre-Dame de Paris, entre diversas outras obras.

Criou poemas e romances que integravam questões políticas e filosóficas em histórias que procuravam retratar a sua época, mesmo quando ambientadas em outro período histórico. Narrava os problemas do seu tempo e das grandes inquietações humanas.

Seus últimos anos de vida são marcados pela morte de seus filhos, de sua mulher e de sua amante. Quando morre, em Paris no dia 23 de maio de 1885, a República lhe presta homenagens fúnebres nacionais. Milhares de pessoas estiveram presentes ao seu funeral. Com ele desaparece um dos grandes gênios da língua francesa. Victor Hugo despertou imenso entusiasmo e fervor popular e deixou sua marca na literatura de todo o século XIX, e ainda em boa parte do século XX.

·       O espírito se enriquece com aquilo que recebe, o coração com aquilo que dá

·       Do atrito de duas pedras chispam faíscas; das faíscas vem o fogo; do fogo brota a luz

·       Não há nada como o sonho para criar o futuro. Utopia hoje, carne e osso amanhã

·       Os infelizes são ingratos; isso faz parte da infelicidade deles

·       A compaixão nem sempre é uma virtude. Quem poupa a vida do lobo, condena a morte as ovelhas

·       As palavras tem a leveza do vento e a força da tempestade

·       Sede como os pássaros que, ao pousarem um instante sobre ramos muito leves, sentem-nos ceder, mas cantam! Eles sabem que possuem asas

·       A suprema felicidade da vida é ter a convicção de que somos amados

·       A música expressa o que não pode ser colocado em palavras e que não pode permanecer em silêncio

·       Aquele que abre uma porta de escola, fecha uma prisão

·       O futuro tem muitos nomes.
Para os fracos é o inalcansável.
Para os temerosos, o desconhecido.
Para os valentes é a oportunidad
e

·       Passamos metade da vida à espera daqueles que amamos e a outra metade a deixar os que amamos

·       A maior fonte de felicidade que há na vida, é saber que alguém nos ama; que nos ama pelo que somos ou, melhor, que nos ama apesar do que somos

·       A vida já vem te provando o quanto é doce, o sabor de amar primeiro a si próprio.
Entenda que por muitas vezes é primordial que você se ame e entenda o valor que você tem. Só assim você conseguira enxerga a vida de outro ângulo, de uma maneira em que você não imaginaria que pudesse ver um dia

·       Por mais que queremos o bem, queremos aquilo que nos convém, tentamos amar. E tentamos, tentamos. Mas ninguém nota, ninguém vê, não valorizam. Chega o dia em que dizemos para nós mesmos: Não dá mais. Seguimos outros rumos, outros caminhos, tentando esquecer de tudo aquilo que um dia fez-nos mal, mas o que é mal, não será tão fácil apagar. Choramos, sem rumo, sem saber na verdade se procuramos o amor, ou deixemos com que ele encontre-nos.

Baseado em Fatos Reais



Um cirurgião foi chamado às pressas para uma cirurgia de uma criança que se encontrava em estado grave, correndo risco de vida, em um Hospital.
Sem pensar duas vezes, foi o mais rápido que pode.
Ao chegar à enfermaria onde a criança estava, encontrou um pai furioso com a demora do médico cirurgião.

"Como pode colocar meu filho em risco não estando presente aqui no hospital quando foi chamado?
Você não tem consciência?
Isto é porque não é seu filho.
Eu deveria denunciá-lo."

O cirurgião manteve a calma e disse ao pai que estava ali para ajudar a criança, e que sentia muito tê-lo feito esperar. E, sem mais delongas, levou a criança para o bloco cirúrgico.

Ao termino da cirurgia, foi até o pai e explicou-lhe que tudo estava bem, e que teria de se ausentar naquele momento, e, em caso de dúvidas, ou se necessitasse de qualquer coisa, que procurasse pela enfermeira, que ela estava de posse de todas as informações que porventura ele necessitasse.

Saiu logo em seguida, nem aguardando a resposta do pai.

Diante desde fato, o pai ficou mais furioso ainda.

"Como pode haver alguém tão insensível?
Será que este cirurgião se acha um Deus?
Será que não vê minha aflição?
Meu filho precisa de um médico ao seu lado neste momento, e não um subalterno..."

Foi então interrompido pela enfermeira.

"Meu Senhor! Acalme-se!
Este cirurgião não estava no hospital por motivos muito sérios, e nem era para ele estar. Nem era seu dia de plantão. Confesso que eu, no lugar dele, não teria vindo.
Ele estava no velório do filho que faleceu ontem em um acidente. Saiu do velório logo que soube do caso de seu filho, somente para salvá-lo. E o Senhor o recebe desta maneira?
Agora ele teve que sair, se não, não poderia ver o enterro do próprio filho."


Muitas vezes nos preocupamos tanto com nós mesmos, olhamos tão somente para nosso umbigo, somos tão egoístas, que perdemos a capacidade de ver nos olhos de outras pessoas o que realmente importa.
Existem problemas e conflitos em todas as partes. Não existe no mundo pessoas sem problemas e aflições. Alguns fatos têm solução, outros não.
Preconceitos e idéias pré-concebidas, muitas vezes nos levam a cometer injustiças.
Antes de julgar, procure olhar e ver o outro lado.

Oswaldo Montenegro - Bandolins


Como fosse um par que
Nessa valsa triste
Se desenvolvesse
Ao som dos bandolins

E como não,
E por que não dizer
Que o mundo respirava mais
Se ela apertava assim?
Seu colo como
Se não fosse um tempo
Em que já fosse impróprio
Se dançar assim

Ela teimou e enfrentou
O mundo
Se rodopiando ao som
Dos bandolins

Como fosse um lar
Seu corpo à valsa triste
Iluminava e à noite
Caminhava assim

E como um par
O vento e a madrugada
Iluminavam à fada
Do meu botequim

Valsando como valsa
Uma criança
Que entra na roda
A noite tá no fim

Ela valsando
Só na madrugada
Se julgando amada
Ao som dos bandolins...



Transformações



Todos nós temos na vida algo maior em que acreditamos.
Um Ser, Uma Luz, Um Deus infinito em sua bondade.
Temos alegrias e tristezas, sucessos e fracassos, ganhos e perdas e estamos aqui para entender o porquê das coisas e evoluir.
Passamos a vida procurando um sentido, respostas e significados para tudo que acontece. Podemos ter as mais diversas crenças e religiões, só que no entanto, somos todos iguais e buscamos as mesmas coisas.

Acredito que todos nós esperamos fazer o melhor que podemos.
Na vida encontramos tantas coisas que nos transformam...
Às vezes é bom dar uma parada e refletir sobre o jeito, atitudes, ações, experiências e acontecimentos que ocorreram. Os resultados que estas transformações nos deram e se foram boas ou ruins. Ou ainda se continuamos escorregando e cometendo os mesmos erros.

Se o ontem, o hoje e o amanhã são o resultado dessa busca, os percalços que encontramos em nossas vidas e conseguimos transpor, momentos difíceis por que passamos, podem nos mudar, melhorar e fazer crescer.

Nem sempre escolhemos o caminho certo. Não podemos ser presunçosos e achar que tudo que fazemos é sempre o correto, e deixar para trás um rastro de decepções, discórdias, desamor e tristeza.

Nossas idéias e ações, devem ser mais pensadas, mais sensatas, mais sinceras, mais condizentes com a realidade e o mundo em que vivemos.

Pessoas que vivem sem amor, fé e confiança precisam encontrar um caminho para que possam seguir em frente em suas vidas. Precisam saber que para se ter uma boa relação com outras pessoas é preciso muitas vezes mudar e evoluir, mesmo que encontre pedras e montanhas em seu caminho, e que isso é uma coisa natural.

Precisamos aprender a pular as pedras, dar a volta em montanhas, escalar paredões, e o que parecia ser intransponível, acaba ficando para trás. É assim que crescemos e alcançamos mais luz, paz , amor, e nos tornamos mais espiritualizados. Alguns diriam, mais humanos.

Definitivamente ainda precisamos crescer muito.
A cada novo dia devemos aprender, buscar caminhos de conhecimento, amor, carinho, compaixão, fé e esperança.

E que nossa vida seja assim, de profundas transformações sempre e com a certeza de que não estamos sozinhos nesta jornada.
 Dani Stumm
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...