Sê como as flores
Que se levantam de madrugada
Para enfeitar e alimentar a vida.

Sê como as estrelas
Que se revezam no Universo,
Bordando de luz o avesso do céu

Sê como o vento:
Impetuoso e terno,
Abrindo portas,
Derrubando muros,
Abastecendo as ondas do mar,
Levando o perfume das flores.

Sê como o Sol,
Cumprindo plantão diário,
Iluminando e aquecendo a Terra.

Sê como as andorinhas
Que se juntam na grandiosa caravana da paz.

Sê como os pés do profeta,
Feridos na batalha de chegar primeiro,
Promovendo a paz.

Sê como os rios
Que brotam no mistério
E cantam sobre as pedras que encontram no caminho.

Sê como a lágrima
Que se propõe a limpar a dor.

Sê como o sorriso da criança:
Ingênuo,
Espontâneo,
Puro.

Sê como as mãos que se estendem,
Antecipando-se ao pedido de perdão

Sê como o amigo
Que nunca espera a perfeição do próximo

Sê como a morte
Que surpreende a vida,
Arrebatando a alma à luz da eternidade

Um comentário:

  1. À mulher

    Ivone Boechat

    Mulher, nunca desista
    de ser campeã na olimpíada
    dessa correria,
    amanhã tudo será melhor:
    os filhos crescem,
    as lutas rejuvenescem
    e você está cada dia
    mais linda e maior.
    Mulher, vai de cabeça erguida,
    porque o Senhor não erra,
    tinha que honrar sua imagem,
    primeiro fez o rascunho
    de um ser superior,
    refez o projeto,
    fez seu veto divino,
    retocou,
    multiplicou
    a dosagem de amor,
    refez a embalagem:
    no modelo anterior
    não cabia
    esse gigante
    interior.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...